• Camisinha do futuro

    por  • 2 de junho de 2014 • Alizee4men.com.br, Dicas da Alizée, Uncategorized • 0 Comentarios

    Camisinha do futuro: novo produto usa adesivo para aumentar sensibilidade

    camisinha

    camisinha

    Esta semana, um novo tipo de camisinha foi anunciado e causou repercussão pela inovação. É a chamada “Galactic Cap” (algo como boné galáctico), criada pelo inventor Charlie Powel. Em vez de cobrir todo o pênis, o novo produto se fixa apenas em parte da glande. Com isso, o sêmen é preso sem perda de sensibilidade.
    A camisinha foi criada para fazer parte da competição da Fundação Bill e Melinda Gates, que estão investindo milhões de dólares para quem conseguir criar uma nova tecnologia para esse tipo de preservativo.
    Powell perdeu a competição, mas decidiu empreender por conta própria e fez o lançamento esta semana. Ele postou o projeto no IndieGogo, popular plataforma de financiamento coletivo.
    A camisinha funciona em duas etapas. Primeiro o usuário coloca uma base adesiva em uma parte da glande. Segundo o criador, ela é à prova d’água e pode ser “colada” como uma segunda pele horas ou dias antes do sexo. Antes de iniciar a relação o usuário passa para a segunda etapa e “acopla” uma espécie de tampa, que irá reter o esperma.

    Powell avisa que o adesivo da camisinha, feito à base de poliuretano, foi pré-aprovada pela FDA, o órgão dos EUA que corresponde à Vigilância Sanitária aqui no Brasil. Mas ainda restam dúvidas da real eficácia da nova tecnologia.
    Um dos motivos é sua capacidade de prevenir doenças sexualmente transmissíveis. O fato das camisinhas atuais cobrirem todo o pênis proporciona proteção a doenças como HPV, herpes, sífilis e gonorreia.

    Camisinha do futuro

     

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *